Para Roma, com amor

Viajar não é somente conhecer lugares novos, mas também voltar aos que já visitamos (ou moramos). Como ao longo da vida nos transformamos, nossas experiências e vivencias dos lugares também mudam.

Quando estive a primeira vez em Amsterdam, por exemplo, tinha apenas 19 anos, estudava francês em Paris e fui à capital da Holanda com pouco dinheiro e muita vontade de cair na balada. Regressar à cidade anos depois, me possibilitou revê-la, mas também descobrir sua incrível gastronomia.

Vista de Roma do terraço do Complesso dei Vittoriano
Vista de Roma do terraço do Complesso dei Vittoriano
À direita a Ilha Tiberina no Rio Tevere de Roma
À direita a Isola Tiberina no Rio Tevere de Roma
Basílica de São Pedro, no Vaticano
Basílica de São Pedro, no Vaticano

Em 1998, já com 20 anos, depois de trabalhar mais de 40 dias seguidos como guia de turismo na Copa da França, me aproveitei da volta ao Brasil ser via Roma e passei cinco dias na cidade. O meu cansaço e vontade de voltar para casa somados ao calor insuportável e o mal humor dos romanos me proporcionaram uma péssima experiência.

No mês passado, voltei à Roma. Passados alguns anos, era hora de saber se a minha relação com a cidade mudaria ou não. Estava lotada, até mais do que em julho, mas ninguém estava mal humorado sofrendo com o calor, nem eu!

Panteão_roma
Facho de luz entre pelo teto do Panteão de Roma…
Panteao_Roma
… e ilumina uma das obras
panteao_roma
Fachada do Panteão

Andei pelas ruas de Roma como se estivesse no filme de Woody Allen – Para Roma, com Amor; fiz um roteiro pelos locais que aparecem em A Grande Beleza de Paolo Sorrentino; e jantei ao lado do Roberto Benigni e Nicoletta Braschi, em um restaurante que de sofisticado não tinha nada. E bingo! Me apaixonei por Roma!

IMG_20150515_214308

Este é mais um dos segredos de Roma, como disse um amigo, crítico gastronômico, a boa comida de Roma é feita de simplicidade e não de sofisticação (veja a lista de restaurantes no final).

Guarda tenta colocar ordem no bagunçado trânsito de Roma
Guarda tenta colocar ordem no bagunçado trânsito de Roma
O Complesso dei Vitoriano, apelidado de "bolo de noiva" pelos italianos
O Complesso dei Vitoriano, apelidado de “bolo de noiva” pelos italianos

Roteiros

Andar pelas ruas e praças de Roma, sentar em uma mesa na calçada para tomar café ou almoçar, são coisas tão obrigatórios quanto visitar o Coliseu, o Vaticano e a Capela Sistina, e o Panteão.

Trajeto 1: Piazza Barberini – Fontana di Trevi – Piazza Venezia – Fóruns Romanos – Coliseu – Terraço do Complesso del Vittoriano (bolo de noiva) – Praça del Campidoglio – Bairro Judeu – Trattoria da “Giggetto”.

ilustração do trajeto 1 no Google Mapas
ilustração do trajeto 1 no Google Mapas
Trajeto começa pela fontana dei Tritone, na Piazza Barberini
Trajeto começa na Piazza Barberini
A Fontana di Trevi está em obras até o final de 2015.
A Fontana di Trevi está em obras até o final de 2015.
Piazza Venecia e uma ponta do Complesso dei Vittoriano ao fundo.
Piazza Venecia e uma ponta do Complesso dei Vittoriano ao fundo.
Um dos fóruns de Roma
Um dos fóruns de Roma
O Coliseu de Roma
O Coliseu de Roma

A Fontana de Trevi está em reforma até, pelo menos, o final de 2015. Hoje é possível “visitar” a fonte por uma passarela suspensa sobre sua base, sem água. Para seguir a tradição de jogar moedas, foi instalada uma fonte improvisada e um tanque, como na foto. Portanto, se puder adiar a viagem à Roma, melhor. Caso contrário, a frustração será grande.

O acesso ao terraço do Complesso Vittoriano é feito pelo museu do Complesso del Vittoriano cuja entrada é pela sua lateral, na Via dei Fori Imperiali.

Neste terraço tem um café com uma bela vista dos Fóruns e Coliseu – onde você pode tomar um Negrone para abrir o apetite – e um elevador panorâmico, construído em 2007, onde você paga para subir ao topo do Complesso e tem uma vista 360o graus de Roma.

Trajeto 2: Vaticano – Castelo Sant`Angelo – Piazza Navona – Restaurante Santa Lucia– Pantheon

trajeto 2

 

Outros trajetos: Via del Corso – Plaza de Spagna; Trastevere – Isola Tiberina (foto no começo deste post). Trastevere significa, atrás do Tevere, o rio que corta Roma, ou seja do outro lado do rio. O local é também o bairro boêmio da cidade. À noite seus simpáticos becos e ruas estreitas ficam cheios de gente perambulando entre bares e restaurantes.

Piazza de Spagna
Piazza de Spagna
Piazza Navona
Piazza Navona

O centro de turismo de Roma na Via dei Fori Imperiale, bem no meio dos fóruns romanos, no caminho entre a Piazza Venezia e o Coliseu, oferece diversos roteiros temáticos por Roma com guias privados. As caminhadas duram em média três horas. Para grupos de mínimo de 10 pessoas sai 34 euros por turistas ou 60 euros para grupos de quatro. Eles formam os grupos. Os preços incluem também as entradas para as atrações previstas no roteiro e fast-track, sem filas.

Aliás, como comentei em um outro post, seja um turista descolado e veja como não pegar filas, a entrada para o Vaticano comprei pela internet e evitei perder tempo na fila, que dava voltas no quarteirão da Santa Sede.

Fila para comprar ingresso para o Museu do Vaticano
Fila para comprar ingresso para o Museu do Vaticano
À direita "fila" para quem comprou ingresso antecipado
À direita, entrada para para quem comprou ingresso antecipado, sem fila

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Restaurantes

Trattoria da Giggetto – Via del Portico D’ Ottavia, 22. +39 06 6861105

É o meu preferido somente pelo perfeito nhoque de batatas servido com um simples molho de tomate e as deliciosas alcachofras fritas à moda judaica. Depois ou antes do almoço não deixe de caminhar pelo bairro judeu.

http://www.giggetto.it




Ristorante Al Pompiere – Via S. Maria dei Calderari, 38. +39 06 6868377

restaurante_romaComo gostei muito da Trattoria da Gigetto e a pesar de estar centralmente localizado, um dia do outro lado da cidade peguei um táxi para voltar ao restaurante. “O Giggetto ficou turístico. Vou te levar no melhor restaurante de Roma, ali perto”, disse o motorista do táxi. Administrado pela matriarca italiana, sua filha e seu neto, o Al Pompiere é muito bom, a saltimboca estava ótima e o fiori dei zucca (um bolinho frito de queijo e abobrinha) melhor ainda . Mas as alcachofras e o nhoque do Giggetto estavam melhores, mesmo sendo turístico! O Al Pompiere não abre aos domingos. http://www.alpompiereroma.com

 

Alle Fratte Di Trastevere – Via delle Fratte di Trastevere, 49/50. +39 06 583 5775

TrastevereBarato, ambiente animado e atendimento muito cordial. Considerado um dos melhores de Trastevere, valeu muito pelos antepastos e a sobremesa caseira. Mas fui infeliz na escolha do prato principal, macarrão com frutos do mar. Vá de carbonara ou amatriciana.

http://allefratteditrastevere.com

 

 

Felice a Testaccio – Via Mastro Giorgio, 29. +39 06 574 6800 

felice_romaMais uma taça de vinho tinto e eu teria dito “Buongiorno principessa” para o Roberto Benigni e a mulher, sentados ao meu lado. É um típico restaurante romano e o cardápio muda de acordo com o dia da semana, como manda a tradição. Deixe espaço no estômago para o tiramisù.

http://www.feliceatestaccio.it

 

Bar Marzapane – Via Velletri, 39.  +39 06 6478 1692

20150516_222355A comida estava sensacional, mas realmente comida minimalista não combina com a cozinha italiana. Ambiente muito agradável e atendimento excelente. Eu pedi o menu degustação Alba – são três opções de menus para escolher. Gostei do folhado de polenta com sardinha, principalmente pela inovação.

http://www.marzapaneroma.com

 

Restaurante Santa Lucia – Largo Febo, 12. +06 68802427

20150517_135301Sabe aquela hora que da fome bem quando você está no lugar mais turístico de todos? A rua atrás da Piazza Navona, onde está a entrada do consulado brasileiro, me pareceu simpática e comecei a andar até chegar ao Largo Febo, uma pequeña praça com mesas do restaurante Santa Lucia. Era o que precisava, um lugar tranquilo para comer mexilhões, uma massa e tomar vinho branco. A comida estava boa, mas valeu muito pelo lugar. Depois, pelo Instagram, descobri que ali foi filmada uma das cenas de Julia Roberts no filme Comer, Rezar e Amar. http://www.santaluciaristorante.it

 

Café no terraço do Complesso del Vittoriano – Café Romano

negrone_romaPiazza Venezia / Via di San Pietro in Carcere / Piazza D’Aracoeli / Piazza del Campidoglio / Piazza D’Aracoeli +39 06 6780664 – 06 6780363

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s